quinta-feira, 31 de maio de 2012

Aceitar a diversidade é a chave da felicidade



Esse é o Malcom Gladwell dando uma palestra no TED em 2004, quase 10 anos atrás. Já vi muita coisa do TED, mas essa só consegui assistir agora. Acontece nas melhores famílias.

Em resumo ele conta a história de como a indústria americana de molhos de tomate mudou radicalmente a partir do poderoso insight de um cara chamado Howard Moskowitz, que era pago para descobrir, por meio de pesquisa, a melhor composição possível dos alimentos.

Num belo dia ele descobre que não existe uma composição ideal, mas sim várias composições ideais, uma para cada tipo de paladar. E com essa descoberta, que hoje parece ridícula, mas que na época sofreu muita resistência, a indústria muda seu paradigma, da "universalidade" para a "variabilidade".

Na prática o resultado é que, ao invés de perseguir a melhor fórmula de molhos de tomate, a partir disso as marcas começaram a criar variações, agradando públicos com gostos diferentes. Se te irrita ir ao supermercado e encontrar 35 tipos de uma mesma coisa, culpe o Moskowitz por isso.

Mas, para o Gladwell, diversidade é sinônimo de aumento de felicidade. Com mais opções é possível agradar mais pessoas, simples assim.

Tá, agora alguém vai pensar no contraponto, que é aquela outra palestra do TED, do Barry Schwartz que fala sobre o excesso de opções gerando infelicidade. Ele também tem razão, e a verdade é que para cada argumento sempre existe um contra-argumento. A vida é mais complexa do que a gente gostaria.

Agora,para além das fronteiras do molho de tomate e do marketing em geral, fiquei pensando aqui como seria legal se de repente as "indústrias da política e da espiritualidade" também passassem por essa quebra de paradigma. Da verdade universal para a varialibilidade.

O militante de um partido ou idelogia aceitando o convívio de todas as outras, prorque, claro que cada uma delas satisfaz as pessoas de formas diferentes. E o mesmo raciocínio vale para as religiões. Mas, infelizmente, nesses mercados, os players ainda estão procurando pela tal da verdade universal, gerando muita infelicidade por aí.

4 comentários:

  1. tem um podcast, que chama Ted Talks Radio, da NPR, que fala sobre esse podcast e entrevista o maluco do tomate. Vale a pena ouvir a explicação da descoberta do molho de tomate ideal.

    ResponderExcluir

O espaço é aberto para críticas, sugestões e até elogios. Só, por favor, não venha com spam.