sexta-feira, 30 de setembro de 2011

Espeto Potter e a linguiça filosofal

Essa foto é um belo exemplo de como uma história ficcional pode ser poderosa, a ponto de transbordar de um livro infantil para o comércio popular. Aliás, antes disso, também transbordou da literatura para o cinema, da Inglaterra para o Brasil e da língua inglesa para a língua portuguesa. E ainda por cima está cheio de gente que diz que a ficção morreu.

Na outra ponta vemos o vendedor de espetinhos usando uma história para contextualizar seu produto commoditizado. Ele obviamente não pagou para licenciar o personagem, mas todos os dias nos deparamos com marcas que pagaram caro por isso e mesmo assim têm medo de ativar esse licenciamento de forma que faça diferença.

Enfim, GÊNIO!


veio daqui, dica da @marianarrpp

10 comentários:

  1. eu compraria um só pra prestigiar.

    ResponderExcluir

O espaço é aberto para críticas, sugestões e até elogios. Só, por favor, não venha com spam.